sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Pode me chamar de gay...

Andy Warhol with scars, 1969, by Carl Fischer. Fonte: de factum...

Pode me chamar de gay, não está me ofendendo. Pode me chamar de gay, é um elogio. Pode me chamar de gay, apesar de ser heterossexual, não me importo de ser confundido. Ser gay me favorece, me amplia, me liberta dos condicionamentos. Não é um julgamento, é uma referência. Pode me chamar de gay, não me sinto desaforado, não me sinto incomodado, não me sinto diminuído, não me sinto constrangido. Pode me chamar de gay, está dizendo que sou inteligente. Está dizendo que converso com ênfase. Está dizendo que sou sensível. Pode me chamar de gay. Está dizendo que me preocupo com os detalhes. Está dizendo que dou água para as samambaias. Está dizendo que me preocupo com a vaidade. Está dizendo que me preocupo com a verdade. Pode me chamar de gay. Está dizendo que guardo segredo. Está dizendo que me importo com as palavras que não foram ditas. Está dizendo que tenho senso de humor. Está dizendo que sou carente pelo futuro. Está dizendo que sei escolher as roupas. Pode me chamar de gay. Está dizendo que cuido do corpo, afino as cordas dos traços. Está dizendo que falo sobre sexo sem vergonha. Está dizendo que danço levantando os braços. Pode me chamar de gay. Está dizendo que choro sem o consolo dos lenços. Está dizendo que meus pesadelos passaram na infância. Está dizendo que dobro toalha de mesa como se fosse um pijama de seda. Pode me chamar de gay. Está dizendo que sou aberto e me livrei dos preconceitos. Está dizendo que posso andar de mãos dadas com os anéis. Está dizendo que assisto a um filme para me organizar no escuro. Pode me chamar de gay. Está dizendo que reinventei minha sexualidade, reinventei meus princípios, reinventei meu rosto de noite. Pode me chamar de gay. Está dizendo que não morri no ventre, na cor da íris, no castanho dos cílios. Pode me chamar de gay. Está dizendo que sou o melhor amigo da mulher, que aceno ao máximo no aeroporto, que chamo o táxi com grito. Pode me chamar de gay. Está dizendo que me importo com o sofrimento do outro, com a rejeição, com o medo do isolamento. Está dizendo que não tolero a omissão, a inveja, o rancor. Pode me chamar de gay. Está dizendo que vou esperar sua primeira garfada antes de comer. Está dizendo que não palito os dentes. Está dizendo que desabafo os sentimentos diante de um copo de vinho. Pode me chamar de gay. Está dizendo que sou generoso com as perdas, que não economizo elogios, que coleciono sapatos. Pode me chamar de gay. Está dizendo que sou educado, que sou espontâneo, que estou vivo para não me reprimir na hora de escrever. Pode me chamar de gay. Que seja bem alto. A fragilidade do vidro nasce da força e do ímpeto do fogo.

Fonte: Pode me chamar de gay, Fabrício Carpinejar

Este texto faz parte do livro Canalha!, de autoria do poeta e cronista Fabrício Carpinejar.

36 Recado(s). Após o sinal, deixe o seu!:

Andréa Motta

Oi, Juca! Bom dia!
Vim por dois motivos: dizer que o novo visual do blog ficou muito bom e avisar que há dois presentes pra você lá no Leio.

Neto

Opa! tive um susto no ínicio do post :) mas depois entendi tudo hehe

Um grande abraço parceiro!

Juca

Oi, Andréa!

Que bom que o novo layout te agradou. Obrigado pela sua opinião! :-)

Bom, vou lá buscar meus presentinhos, mas agradeço desde já!

Beijos!

Juca

Oi, Neto!

Será que entendeu mesmo? rsrs Espero, sem querer ser grosseiro, que este seu susto não tenha nada a ver com preconceito! :-)

Obrigado pela visita!
Abraços!

Neto

Não tem ,Juca!
Não sou preconceituoso.

Era só uma *brincadeira* minha para quebrar o gelo!

Assinei seus feeds!
Um grande abraço!

Juca

Que bom, Neto! :-) Obrigado por assinar meu feed!

Abração!

crazyseawolf

Poxa, Juca, pensei que estava se liberando... brincadeirinha!!!

Falando sério, adorei o texto! Não ao preconceito!!!

Um abração!!!

Juca

Cidão, quem sabe? Leia meu comentário acima!! rsrs

Abração!

Igor Garcia

Fala Gerente!!!

Vim aqui por intermádio da Déia e achei o seu blog fantástico, principalmente pelo visual informativo (apesar de ser chato quanto ao meu próprio layout!)Até porque, alimentar-se diariamente com novos talentos literários faz um bem para o estomago...e para o cérebro! ;-)

Forte Abraço!!!

Juca

Oi, Igor!

Agradeço pelo elogio, encheu meu ego neste domingo nublado aqui em Sampa! rsrs Fui rapidamente dar uma olhadela no seu e também gostei muito, mas depois voltarei lá com a calma e atenção que seu blog merece. :-)

Abração! Volte sempre!

Ronaldo

Olá!!!

Vim aqui pelo blog Leio o mundo assim...

Adorei seu blog e gostei muito desse texto tb... se todos pensassem dessa mesma forma...

Vai lá no meu blog, estou promovendo uma Blogagem coletiva para o dia 31/10. Peticipe você também!!

Abraços.

Du

Juca querido, voltei!

Eu já conhecia esse texto, é ao mesmo tempo muito simples (porque ser gay é normal) e repleto de verdades!
As pessoas deveriam se aceitar como seres humanos que são, independente de raça, credo, opção sexual ou qualquer outra ideologia de vida!
Infelizmente não é assim.
O preconceito chega como um câncer ou uma arma que agride, fere e mata!
Eu penso que pessoas preconceituosas não sabem usar as duas palavrinhas mágicas que vão estar interligadas para sempre, querendo ou não:
EDUCAÇÃO E RESPEITO.

Um bom dia pra você, meu amado amigo!

Juca

Olá, Ronaldo!

Obrigado pela visita e pelo elogio ao blog. :-)

Vou lá verificar sua blogagem coletiva ainda hoje.

Obrigado também por dizer NÃO ao preconceito!

Abraços!

Juca

Du, que bom que está de volta! Sinto sempre sua falta por aqui! :-)

Pois é, se todo mundo fizesse um pequenino esforço para minimizar o preconceito... Mas ainda creio que isso virá, mais cedo ou mais tarde.

Obrigado por complementar brilhantemente o texto com seu comentário. EDUCAÇÃO E RESPEITO são mesmo fundamentais em tudo.

Beijão!

crazyseawolf

E a Duzinha chega sempre com muita sabedoria.

E para reiterar: NÃO AO PRECONCEITO!

Um abraço amigão!!!

Juca

Pois é, Cidão, a Du é uma grande e maravilhosa mulher! Por isso que a amo e admiro muito!

E obrigado por reiterar sua posição contra o preconceito! :-)

Um grande abraço!

Du

Uia!!! "grande e maravilhosa"??? Tô aqui me "achando" agora!!!

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

A recíproca é verdadeira, meu amigo!

Urbano Leonel Sant' Anna

Oi, Juca!

Alguma coisa está fora da ordem...

Por que será que, em vez de chamarem uns aos outros de "gay", procurando ofender, as pessoas não se xingam de corruptos ou de injustos ou de "Bush", por exemplo? Não seria mais coerente?

Toma lá um grande quebra-costela, meu irmão!

Juca

Que lindo, os dois passeando pelo meu blog juntos! rsrs

Du, pode se "achar" mesmo. Você é uma vencedora só pelas batalhas que já enfrentou. \o/ \o/

Beijos!

Juca

Concordo contigo, Urbano! Mas as coisas estão fora da ordem, como você mesmo disse. Exemplo: hoje li uma chamada no UOL para uma matéria que dizia que uma detenta havia conseguido votos suficientes e, caso a Justiça nada faça, poderá galgar ao posto de Vereadora do Rio de Janeiro.

Pode?? No Brasil, pode!! :-(

Obrigado pela presença! Um grande abraço!

crazyseawolf

No Brasil pode tudo, se tiver dinheiro e "costas-quentes"... É a triste realidade de uma nação cujo lema é levar vantagem em tudo.

Juca

Concordo, Cido! Mas hoje, após assistir a uma cena da novela A Favorita - onde a personagem Tuca, chefe de redação de um jornal, decide fazer algo mais concreto contra os desmandos de políticos e criminosos -, fiquei pensando se poderíamos fazer algo de concreto para diminuir essa sensação de impunidade!!

Anônimo

Oi Juca, hoje deixiei ai um enorme comentario sobre esse texto otimo e nao consegui postar. Pór que sera, nao "colava" de jeito nenhum.
Vou testar agora.
Bjos
Cam

Anônimo

Ah, como anonimo vai. Como URL, nao.
Cam

Juca

Oi, Cam!

Estou fazendo este comentário usando o modo Nome/URL para testar. Mas aparentemente está tudo certo porque deixei todas as opções disponíveis pelo Blogger liberadas nos comentários.

Depois tenta postar o comentário, agora fiquei curioso para saber sua opinião! :-)

Vejamos se vai! :-)

Beijos!

PS: Ao clicar em Postar Comentário, apareceu a seguinte mensagem numa barra vermelha: "O URL contém caracteres inválidos". Editei o perfil retirando a barra "/" que fica no final do link. Vejamos se agora vai! :-)

Juca

Cam, o problema é esse mesmo que citei anteriormente, no PS. Quando você utilizar o modo Nome/URL, não deixe a barrinha "/" no final do endereço do seu blog. Sem a barrinha o comentário entrou sem problema.

Aliás, te indico usar o modo OpenID para realizar seus comentários nos blogs, pois assim aparecerá o link e quando alguém clicar irá mais facilmente ao seu blog. No caso, seu OpenID é o link do seu blog. :-)

Desculpe pelos transtornos! Se puder, tenta postar seu comentário novamente.

Beijos! :-)

Igor Garcia

ÔOOOO Gerente!!!

Coloca teu post aí da Blogagem Coletiva também!!!! AProveita e coloca uma história!!!!

Forte abraço!!!

Max

Antes de dizer o quer que seja, tenho de me levantar da cadeira (onde me encontro sentada) e aplaudir *clap clap clap clap*!!!

Oi Juca, :D

Que maravilha de post!! Não poderia concordar mais com tudo o que este texto contém.
Se ser gay é tudo isto, então podem-me chamar de gay também...pois 75% do que aqui está descrito sou eu (principalmente a colecção de sapatos lol).

Nem sei por que é que as pessoas ainda se dão ao luxo de chamar gay aos outros...se forem, ninguém tem nada a ver com isso! E depois, antes de serem gays, para mim, são pessoas (e respeito-os como tal)!

E tem uma coisa que é bem verdade: os gays são os melhores amigos das mulheres, porque entendem-nas com a máxima perfeição, e dão óptimas dicas de moda (é incrível)!

Juca, este foi um post maravilhoso: parabéns!! :D

Beijos

Juca

Igor, vou pensar no seu caso. (risos) Já coloquei o banner na sidebar, mas assim que tiver um tempinho faço um post de divulgação da blogagem.

Abraços!

Juca

Max, você sempre me emocionando... eu é que levanto agora da cadeira para te aplaudir. (aplausos)

Obrigado, minha linda, por sempre me brindar com um comentário maduro, sábio e respeitoso!

Você é que merece meus parabéns e digo isso sem querer bajulá-la gratuitamente!

Beijos!

Su

Juquinha, meu fio!
Cada dia eu te admiro mais, sabia?!
Sempre tive vontade de vir ao seu blog, nos esbarramos por ai, apareci umas vezes aqui para olhar uns modelos que a Du me indicava, e talz... mas nunca parei para te ler. Lembro que a primeira vez que vim aqui a Du falou assim; "Não se assuste!" Eu vim olhar a posição da sua caixinha de recados para colocar no meu antigo blog (não sei se vc chegou a conhecer)... mas... tudo bem!!

Qualquer tipo de preconceito é infantil e idiota. Somos seres humanos e temos que viver bem e felizes, porque é isso que importa. A vida é mto bela para ficarmos discriminando ou julgando alguém pelo que é ou deixa de ser, o importante é estarmos bem e felizes, isso que é a vida!!

Adorei, viu?!
Beijão, Juquinha!!
Te admiro mais a cada dia!

Juca

Su, este seu comentário me fez um bem tão graaande. Puxa, muito obrigado mesmo. Pena que ficamos nos esbarrando por aí e demoramos para nos falar. rsrs Bom, mas ainda bem que isso já foi resolvido! :-)

Infelizmente, não tive tempo de conhecer seu antigo blog, quando pude ir lá as mudanças já haviam sido feitas! :-)

Muito bom saber que ainda tem muita gente que pensa como você, sem preconceito, sem querer julgar o próximo por sexo, raça ou cor. Eu fico feliz por te conhecer um pouco mais!

Obrigado, Su, pela consideração! Só vai me desculpando a falta de tempo para visitá-la de forma decente, sem pressa!

Beijão e um grande e afetuoso abraço!

Psicólogo Thiago de Almeida

Seu blog é muito interessante, parabéns Juca. Recomendo. Caso queira também se inscrever no meu blog é só entrar no meu site: http://www.thiagodealmeida.com.br/site/ ou ir diretamente para meu blog http://drthiagodealmeida.blogspot.com/
um abraço,

Luan Versace

TEXTO MARAVILHOSO, BLOG FANTASTICO!!!

Parabéns pelo seu blog, confesso que sou muito crítico no que diz respeito a escrita, seu blog é um dos poucos conteúdos na net, que ainda paro para ler...

Fica com Deus
Abrços!!!
Luan Versace

Luan Versace

TEXTO MARAVILHOSO, BLOG FANTASTICO!!!

Parabéns pelo seu blog, confesso que sou muito crítico no que diz respeito a escrita, seu blog é um dos poucos conteúdos na net, que ainda paro para ler...Feed mais que assinado!!!

Fica com Deus
Abrços!!!
Luan Versace

farinhademandioca

Um texto que eu gostaria de ter escrito. CLAP, CLAP, CLAP!!!

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Obrigado por deixar seu comentário sobre os serviços da "Lavanderia Virtual". Procurarei respondê-lo o mais rápido possível. Volte sempre! :-)

Abraços,
Juca (o gerente)



 

  ©Template Lavanderia Virtual, Customizado por Juca, baseado em Blogger Addicted.____Icons by DryIcons._____Ping Technorati____